Espalhe por ai:

O Imperial College de Londres, que analisa os dados de casos do COVID-19 pelo mundo, divulgou que a taxa de transmissão no pais, está em 0,93. Na prática, 1 pessoa pode transmitir para até 93 pessoas, o que fica abaixo da tendência de “sem controle”, estágio que o país estava desde o mês de Dezembro.

A média esperada para o Brasil é que essa taxa fique entre 0,80 a 0,95. Esta queda, representa que a média de casos tende a cair nos próximos dias. A expectativa de mortes para essa semana é de 16.800, número bem menor do que o projetado anteriormente de 17.667.

Essa é uma das principais referências para acompanhar a evolução epidêmica do Sars-CoV-2 no país. No entanto, especialistas costumam ponderar que é preciso acompanhar a taxa de transmissão por um período prolongado de tempo para avaliar cenários, levando em conta o atraso nas notificações e o período de incubação do coronavírus, que chega a 14 dias.

A informação do boletim do consórcio formado por veículos da imprensa, revela que a média de mortes nos ultimos 7 dias no Brasil, teve uma redução de 20% do que o período anterior.

Grande parte desta queda, pode ser atribuido às medidas de distanciamento social definidas por governos estaduais e municípios e o número de vacinas aplicadas. Com a oferta de mais doses de vacinas, é esperado que consigamos em breve superar a pandemia.

Espalhe por ai: