Espalhe por ai:

O presidente da Câmara de Camaçari, Júnior Borges (DEM), criticou o aumento das tarifas de pedágio na Estrada do Coco pela Concessionária Litoral Norte (CLN)

A passagem pela praça de pedágio dá acesso a grande parte da orla de Camaçari, além de outros destinos, como Porto de Sauípe, Praia do Forte, Baixios, Subaúma e Conde, entre outros. Para os automóveis, caminhonetes e furgões, a tarifa passou de R$ 7,20 para R$ 7,90 durante a semana, e de R$ 10,80 para R$ 11,80 nos finais de semana.

Segundo o vereador, a CLN promove reajuste sem apresentar contrapartidas que justifiquem a medida. “Sou contrário ao reajuste imposto pela CLN, que não teve a sensibilidade de considerar o quanto isso afeta Camaçari, as demais cidades da Região Metropolitana e o turismo em toda a extensão da Linha Verde”, afirmou Júnior Borges.

A Agência Estadual de Regulação de Transportes – Agerba informou que o reajuste está previsto em contrato. Os valores são atualizados anualmente, considerando a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA), e tem como data base o mês de outubro.

Espalhe por ai: