Espalhe por ai:

Desde o dia 13 de Maio, a produção da vacina contra o Covid-19 está paralisada no Instituto Butantan. O motivo foi o atraso no envio dos lotes previstos para a produção da vacina, que são encaminhados pelo governo Chinês. O Instituto culpa as recentes declarações do Presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) que voltou a acusar a China de fabricar o vírus. As declarações foram repudiadas pelo governo Chinês e por diversas autoridades, como o Governador João Dória (PSDB-SP).

Declarações do presidente teriam complicado a importação de insumos para fabricação de vacinas .

Nesta terça (25), está prevista a chegada de 3 mil litros do Insumo Farmacêutico Ativo-IFA, para que o Butantan possa voltar a produzir a CoronaVac. Em reunião com governadores na última quinta-feira (20), o Embaixador Chinês no Brasil Yang Wanming, se comprometeu a resolver a liberar os insumos para produção de mais de 16 milhões de doses da CoronaVac e da vacina da AstraZeneca, produzida pela Fiocruz.

Espalhe por ai: